Venda assistida: como treinar sua equipe para vender mais

Um time de vendas treinado garante melhores resultados dentro de uma política de venda assistida. Seu negócio pode colher bons frutos se investir no aprimoramento técnico das pessoas responsáveis pela comercialização de seus produtos e serviços.

Vender mais e melhor é uma necessidade de todas as empresas, independente do segmento de atuação. Porém, não basta apenas ter produtos e preços competitivos. É preciso ir além e superar as expectativas dos clientes, inclusive quando falamos em vendas internas. É justamente neste ponto que o treinamento para venda assistida entra em ação e sua importância fica ainda mais evidente.

Para quem não sabe do que estamos falando, a venda assistida é uma estratégia que visa um relacionamento mais dinâmico e personalizado com o cliente através do uso de tecnologia para negociação, reserva de produtos e outras funcionalidades. Sabe quando vamos a lojas de material de construção e um vendedor utiliza um computador para verificar estoque, reservar produtos, etc.? Este é um bom exemplo de venda assistida.

Aproveitando a deixa, temos um conteúdo exclusivo em nosso blog sobre o que é venda assistida. Clique aqui para conferir.

É fundamental treinar bem o time de vendas para faturar mais, inclusive quando pensamos nas melhores estratégias e venda assistida. Seus vendedores precisam entender a fundo sobre os diferenciais dos produtos comercializados, preços e condições, características especiais e outros pontos que podem fazer a diferença no momento de uma negociação.

Todavia, é essencial reforçar que somente o uso de tecnologia de ponta não é o suficiente para a implementação de uma estratégia eficaz de venda assistida. É preciso investir no treinamento e capacitação do time de vendas internas para que estes profissionais saibam usufruir da melhor maneira da tecnologia que possuem em mãos.

 

Treinamento de venda assistida: essencial para aumentar suas vendas internas

Treinar sua equipe de vendas internas é o primeiro passo para obter melhores resultados com a venda assistida. Sim, sabemos que tecnologia é fundamental (aliás, é o nosso core business), porém não podemos deixar de lado a importância do desenvolvimento técnico das pessoas que de fato irão utilizar um software de automação de vendas internas, por exemplo.

E o mercado comprova como este tipo de estratégia vem cada vez conquistando mais adeptos, como revela pesquisa realizada pelo Journal of Economics, Finance anda Administrative Science 20 (2015). Veja abaixo o gráfico que mostra a evolução no número de publicações sobre o treinamento de vendas:

O número de publicações envolvendo treinamento de vendas só cresce em todo o mundo, o que revela a importância de seguir investindo neste tipo de política. Neste cenário global, para conseguir melhores resultados com venda assistida e faturar mais, é fundamental investir no aperfeiçoamento dos profissionais que trabalham em seu negócio.

O gráfico acima mostra que se há mais publicações sobre treinamento de vendas, mais empresas estão investindo nesta estratégia. E se estão pesquisando, certamente grande parte está implementando isto no dia a dia.

Blog da Sovis: como melhorar a experiência de venda no varejo com o mobile

 

Dicas para treinar a equipe de vendas internas

Agora que vimos a importância do treinamento da equipe de vendas internas, é hora de colocar a mão na massa! Separamos abaixo algumas dicas que vão te ajudar na hora de elaborar uma política de treinamento personalizada ao seu negócio e perfil de colaboradores. Acompanhe!

Dentro de um treinamento de venda assistida, é fundamental que seus colaboradores saibam utilizar com precisão todas as tecnologias disponíveis. Por exemplo, é essencial que conheçam o software de automação de venda assistida para que possam desempenhar um atendimento ágil e exato sempre que estiverem em uma negociação com algum cliente.

1 – Cronograma: defina um calendário dos dias em que realizará o treinamento junto ao time de vendas internas. Este tipo de ação é importante para que todas as pessoas envolvidas possam se programar.

2 – Defina metas: estabeleça quanto deseja aumentar em suas vendas internas após o treinamento. É importante que este seja um número “alcançável”, ou seja, não adianta colocar como meta aumentar as vendas em 5000% nos primeiros dois meses. Dificilmente este objetivo será alcançado, portanto trabalhe com números realistas.

3 – Conhecimento de produtos: elabore um material impresso e digital com a descrição de todos os produtos disponíveis. É fundamental que seus vendedores saibam em detalhes os diferenciais dos produtos, seus preços, margens de descontos e outros itens que poderão ser utilizados durante uma negociação.

4 – Demonstração de tecnologia: como vimos, a venda assistida é pautada na tecnologia que permite a reserva de produtos, consulta a estoque, parcelamento, etc. Para tal, é fundamental que sua equipe de vendas internas saiba utilizar esta tecnologia. Neste ponto abrimos um espaço para apresentar os diferenciais do SOVIS/VA, nosso software de venda assistida!

Blog da Sovis: por dentro da venda interna

 

Por dentro do SOVIS/VA!

O SOVIS/VA conta com funcionalidades incríveis e tem um grande diferencial: mobilidade! Utilizando um smartphone ou tablet, seus vendedores podem realizar o atendimento ao cliente com muito mais agilidade e dinamismo. Não há mais a necessidade de locomoção até um ponto (computador) fixo dentro da loja. Tudo o que seu cliente precisa saber está nas mãos dos seus vendedores.

O SOVIS/VA é um software de automação de venda assistida que agiliza o trabalho diário em seu negócio. O sistema conta com funcionalidades planejadas nos mínimos detalhes para garantir velocidade na consulta de informações por parte dos vendedores durante o atendimento a um cliente, facilitando assim todo o processo de vendas. É uma tecnologia mobile.

 

Dentre as vantagens do SOVIS/VA, que são muitas, podemos destacar o aumento das vendas por impulso e do ticket médio, isso porque seus vendedores conseguirão apresentar imediatamente tudo aquilo que os clientes desejam saber. Assim, é mais fácil fechar uma venda por um valor mais elevado. Além disso, por ser um sistema 100% integrado ao seu estoque, assim que houver uma atualização de qualquer produto, seus vendedores ficam sabendo.

Quer saber mais sobre o software da Sovis para venda assistida?

 

Vale a pena investir em tecnologia para aumentar as vendas internas?

A resposta é simples e direta: sim! Hoje em dia o consumidor tem em mãos inúmeras possibilidades para pesquisar e concluir uma compra remotamente. Ou seja, sem que precise ir até a loja e conversar com um vendedor. No exemplo da loja de material de construção, é possível comprar pisos, revestimentos, tintas, decoração… tudo pela internet!

Mas, então, por que investir em tecnologia se o cliente não vai mais na loja?

O interessante neste ponto é que um novo comportamento vem surgindo no mercado, o “show rooming”. A gente explica: segundo estudo revelado pela CVA Solutions, 76% dos consumidores visitam a loja física (que vende o que ele quer comprar) para conhecer o produto e só efetivam a compra em casa, pela internet.  A pesquisa foi realizada com 7.705 pessoas em 63 lojas de varejo de todo o Brasil.

O que isso quer dizer? Que o consumidor, mesmo comprando pela internet, ainda vai na loja e consulta o vendedor para saber informações. Neste momento, se o time de vendas realizar uma abordagem dinâmica, pode SIM efetuar a venda por impulso.

Por outro lado, se o cliente notar que a equipe de vendas internas é lenta, arcaica, que o sistema de pesquisa não funciona, que não acha o produto que deseja… as chances de não concluir uma venda aumentam muito.

 

Gostou do post de hoje? Aproveite e siga a gente nas redes sociais:

Facebook

LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *